Blog

Gestão de Negócios Jurídicos

5 indicadores de desempenho para escritórios de advocacia

Adotar indicadores de desempenho para escritórios de advocacia faz parte de uma gestão voltada para melhores desempenhos.

Por LawVision    |    Dia 30 de março de 2020
5 indicadores de desempenho para escritórios de advocacia

Ao considerar a produtividade dentro de uma empresa, uma série de fórmulas, táticas e ferramentas podem ser adotadas visando contabilizar e otimizar os resultados. Indicadores de desempenho para escritórios de advocacia fazem parte de uma gestão voltada a uma performance positiva de mercado. 

Mais do que apenas gerar relatórios e gráficos, os indicadores apresentam caminhos para repensar as práticas e processos. Dessa forma, é possível corrigir falhas e potencializar as ações positivas.

E quando falamos de trabalho remoto, ou home office, ter ferramentas completas, que sejam simples e intuitivas, é a chave para o sucesso. 

Isso porque a própria dinâmica do trabalho necessita de outras formas de supervisão e acompanhamento diferentes daquelas feitas na empresa. E isso, muitas vezes, é um desafio. Por isso, separamos alguns indicadores determinantes para ótimos desempenhos:

O que são indicadores de desempenho e por que adotá-los?

Os indicadores de desempenho, de forma geral, são ferramentas que auxiliam no acompanhamento da empresa. Eles são capazes de transformar a rotina de trabalho em dados e relatórios que, depois, podem ser determinantes para a tomada de decisões.

É cada vez evidente a integração da tecnologia nas atividades — tanto para corrigir quanto para otimizá-las. Essa é a base da advocacia 4.0, que recorre às ferramentas e softwares como aliados, visando otimizar o desempenho, seja ele pessoal ou de toda a equipe.

Dessa forma, escolher quais se adequam às necessidades da sua empresa pode auxiliar em aspectos como:

  • Designar demandas e distribuir tarefas de acordo com o perfil de cada advogado(a);
  • Analisar os processos mais demorados e como podem ser otimizados, dispensando etapas desnecessárias ou adaptando-as;
  • Operacionar atividades;
  • Compreender o status geral de cada projeto, mesmo a distância;
  • Analisar os pontos fortes e fracos de cada equipe, inclusive as que trabalham remotamente;
  • Analisar a satisfação de clientes e aumentar os contratos;

Indicadores de desempenho para escritórios de advocacia: quais os essenciais?

Usar indicadores de desempenho para escritórios de advocacia, seja no trabalho presencial ou em modalidade home office, é a melhor maneira de acompanhar e liderar, de forma efetiva e eficaz, as equipes ou a empresa como um todo.

A escolha de quais adotar vai depender, também, da dinâmica do escritório e quais as necessidades. Por isso, confira alguns indicadores que fazem parte da rotina de advogados e advogadas, auxiliando em como reduzir custos, acelerar processos e destacar profissionais no mercado:

Apontamento de horas 

Fazer o registro de horas trabalhadas em relação à produtividade ou metas alcançadas ajuda a avaliar o desempenho da equipe e de cada pessoa, individualmente. 

Para a empresa, mais do que apenas saber sobre como as horas do dia estão sendo ocupadas, o apontamento auxilia no acompanhamento e resolução de dificuldades. Por exemplo, caso duas pessoas desempenhem a mesma tarefa com tempos muito diferentes, é possível identificar as dificuldades ou empecilhos que podem estar envolvidos. 

Para o advogado ou advogada, ter acesso a esses dados também possibilita que uma autoavaliação seja feita — sobretudo quando o trabalho migra para home office, o acompanhamento pode evidenciar a queda na produtividade devido às mudanças.

Além disso, o indicador é uma ótima ferramenta para reavaliar a precificação dos serviços, ajustando valores de forma mais adequada. 

Margem de lucro 

Um dos apontamentos fundamentais para qualquer empresa, inclusive escritórios ou profissionais de advocacia, é analisar a margem de lucro. 

Em geral, isso ajuda a avaliar se os serviços prestados estão sendo vantajosos, considerando que cada serviço demanda tempo e esforço diferentes. Para isso, dá para fazer cálculos manuais ou utilizar sistemas automatizados, que facilitam o processo.

Independente da forma, basta saber alguns valores e informações, seguindo o cálculo:

  • Conheça o custo total que cada atividade demanda ao longo de um mês; 
  • Divida esse valor pela quantidade de horas do mês. O resultado indica qual o custo da hora trabalhada daquela tarefa; 
  • Multiplique o valor de cada hora pelo tempo que a tarefa efetivamente demanda.

O resultado ajuda a comparar as vantagens de prestar determinados serviços, auxiliando na hora de priorizar ou até dispensar alguns.

Processos ativos ou abertos 

Ter uma visão geral dos processos abertos ou em andamento é essencial para uma boa gestão em advocacia. 

Quando as equipes trabalham remotamente, fazer um acompanhamento efetivo e aproximado pode ser uma tarefa ainda mais complexa, por isso, contar com indicadores automatizados é essencial.

Por isso, saber da relação entre processos ativos e os finalizados em determinado tempo indica como está o fluxo de trabalho. Ter essa compreensão é eficaz para repensar novos contratos ou revisar prazos.

Além disso, vale compreender a relação entre processos abertos e tamanho da equipe.

Assim, a gestão tem dados mais concretos para saber se a equipe está sobrecarregada, caso haja muitos processos para poucas pessoas, ou é possível adequar as demandas, caso haja muitas pessoas para poucos processos.

Ciclo dos processos (prazos) 

Os indicadores de cumprimento de prazo são essenciais. Mesmo quando já há um acompanhamento do status de cada processo — se ativo ou finalizado —, saber exatamente em que etapa ele está faz toda a diferença para a compreensão do fluxo de trabalho.

Sobretudo na área de advocacia, em que geralmente os processos demandam várias etapas, um olhar atento de líderes faz diferença na demanda e gestão de equipes. 

Por isso, é importante dar atenção desde o início da atividade, contabilizando os ciclos de tempo de cada fase, até a sua finalização e resultados obtidos. 

Para as empresas, esse indicador permite que os pontos fracos sejam trabalhados pontualmente em cada fase, alinhando o melhor desempenho de cada profissional e auxiliando em como gerenciar prazos no escritório de advocacia.

Além disso, permite que advogados e advogadas otimizem suas ações com base em avaliações pontuais, identificando seus pontos fortes e fracos, e buscando desenvolver habilidades.

Satisfação de clientes

Avaliar a satisfação dos atendimentos prestados pela equipe de advogados e advogadas é fundamental. Mesmo que os processos sejam bem conduzidos, dentro dos prazos e obtendo bons resultados, por vezes, a comunicação, o interesse e a motivação profissional podem afetar a satisfação de clientes.

Para obter esses indicadores, algumas pesquisas rápidas podem trazer resultados significativos. Por exemplo, após finalizar o serviço, é possível enviar pesquisas de satisfação que detalhem as percepções em relação à comunicação, tempo de resolução e preço, por exemplo.

Muitas vezes, a dificuldade de atendimento, sobretudo em serviços de advocacia remotos, são decorrentes de escolhas inadequadas de ferramentas de comunicação, má organização de agendas ou rotinas.

O que os indicadores de desempenho podem fazer na advocacia home office?

Usar a tecnologia como uma aliada na vida profissional é, cada vez mais, indispensável — inclusive em rotinas de empresas de advocacia. 

Seja para a empresa ou funcionários(as), em dinâmicas presenciais ou home office, usar indicadores é a melhor maneira de mensurar os resultados, otimizar ações e garantir o melhor posicionamento no mercado.

Isso permite acompanhar a equipe de perto, de forma aprofundada, mesmo que a distância. Já para os advogados e advogadas, ter acesso aos dados dos indicadores permite uma análise da própria atuação.

Sobretudo no trabalho remoto, que confere maior autonomia às equipes, planejar e organizar as demandas com base em dados é determinante para os resultados positivos.

Há diversos índices que podem auxiliar na geração de relatórios e métricas, por isso, a escolha cuidadosa é essencial, para que operem como facilitadores. 

Então, encontrar ferramentas e softwares de gestão que integrem diferentes análises, de forma personalizada, é a melhor maneira de otimizar o processo. 

__

Este é o objetivo da LawVision: de forma personalizada e alinhada às práticas de advocacia 4.0, oferecemos uma ferramenta que se integra ao sistema da sua empresa, transformando dados em resultados. 

Entre em contato com a nossa equipe e saiba como obter o melhor desempenho no ramo jurídico.



Solicite uma demonstração